Estudos sobre Mudanças Climáticas na Amazônia Legal urbana

Estudos sobre Mudanças Climáticas no contexto da Amazônia Legal se apresentam em duas escalas: a primeira, pela globalização da floresta capital natural; e a segunda é a nacional, isto é, a floresta para crescimento econômico. Nessa construção, a Amazônia Legal Urbana é invisibilizada em segregação socioespacial, assim como o lugar de vida da maioria da população, impactada em ocupações insalubres, sem rendimentos, com má qualidade da água, insegurança alimentar, com má qualidade do ar e vulnerável aos eventos climáticos extremos. Essa é a nossa base de análise diante da crise climática.

Tais vulnerabilidades são mediadas por determinantes estruturantes como o racismo, a pobreza, as condições geográficas e culturais, e diferem de acordo com os grupos raciais e étnicos, repercutindo no aprofundamento das desigualdades de gênero, em especial, em países de baixa e média renda, neste caso se insere o Brasil. O cenário alarmante das mudanças do clima na atualidade tem sido evidenciado ao longo das décadas e em diversos lugares e territórios.

Nesse sentido, a pesquisa se realiza pela coleta, sistematização e análise de dados secundários dos espaços urbanos das cidades de Belém (PA), Macapá (AP), Manaus (AM), São Luís (MA) e Rio Branco (AC), analisando o ordenamento territorial  marcado em desigualdades populacional e territorial, que precisa ser visto pelas escalas das vulnerabilidades para que seja humanidade responsável com a Agenda Global do Clima, conforme se estabeleceu no Acordo de Paris (2015).

Os dados levantados do dados do Censo Demográfico de 2010, da Cartografia da Biblioteca de Geociências e do Sistema de Recuperação Automática (SIDRA) do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística – IBGE, foram sistematizados e analisados pela equipe de pesquisa e produzidos  mapas temáticos através do software Google Earth Pró.

Como subsídio teórico e metodológico os paper’s das cidades buscam contribuir com processos de revisão e/ou elaboração de novo Plano Diretor do municípios em atenção às políticas de adaptação, mitigação e/ou redução das mudanças do clima, em face da Convenção-Quadro das Nações Unidas sobre Mudança do Clima e os Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS) da Agenda 2030 da Organização das Nações Unidas (ONU).

Conheça a espacialização dos municípios no território da Amazônia Legal Urbana através do Google Earth Pró:

Clique aqui para realizar o download do Mapa 01 Temático Municípios da Amazônia Legal Urbana em JPG.